Modern Family

Já comentei aqui no Botõezinhos que o seriado “Modern Family” é um dos meus prediletos. Composto por 3 famílias, cada uma com tiradas muito engraçadas e verdadeiras sobre como criamos nossos filhos atualmente. No penúltimo episódio, Cam diz a sua cunhada Claire que está tentando não usar a palavra não com Lily, que teima em brincar de ligar e desligar a luz, e quando Claire diz não à menina, ele a repreende dizendo que estão adotando uma nova tática, tentando redirecioná-la para outra atividade ao invés de dizerem não o tempo todo. Claire não concorda com o novo estilo de criação de Cam e faz caras, bocas e olhos brancos para ele.

Cam então dispara para seu companheiro Mitch: “Claire critica o modo como crio a minha filha”. Tudo num tom engraçado como é próprio da série.

Fiquei pensando, quanta verdade Cam!

Com a nossa vida estampada nas mídias sociais atualmente, deixamos exposto nosso modo de pensar e criar nossos filhos, e tanta liberdade de expressão têm um preço: o julgamento dos outros.

Verdade ou não?

Das duas uma, ou limitamos as informaçõees que divulgamos na internet, ou apertamos o cinto e lidamos com os comentários e julgamentos, e por lidar eu digo ignorar, afinal, transformar mídia social em baixaria não leva a lugar algum.

Nós mães atuais temos acesso ilimitado a todo tipo de informação referente à crianças, alimentação, educação, diversão e por aí vai, o que não acontecia na época de nossas mães, por exemplo. Parece que antigamente as mães conversavam sobre…..tchan, tchan, tchan….pasmem: a vida! Como está o trabalho, a casa e a família, nunca sobre qual mamadeira tem nível de PBA apropriado, que teoria ela segue sobre deixar o bebê chorar no berço (ou não) ou como tal roupinha é mais fashion que a outra. Antes se era mãe, hoje se é mãe-enciclopédia, todas nós sofremos da síndrome de “mamãe-sabe-tudo”, o que muitas vezes deixa nosso filtro meio de lado, e acabamos julgando outras mães e pais na sua tarefa mais importante e difícil, a de criar seus filhos. Não é fácil, quem têm filho sabe, nós erramos tentando acertar, sempre.

Hora de começarmos a ser menos “Claire” e a enxergar outros pais com mais compaixão.

7 Comments on “Não critique meu estilo de criação”

  1. Lílian Almeida
    30/05/2012 at 5:00 am (8 years ago)

    gostei da abordagem, as mídias são ótimas,mas como em toda relação as vezes nos abrirmos é arriscado, pois é do ser humano o julgar, e todo mundo quer dar um pitaquinho, rsss, mesmo as que não são mães .
    Bjim !

    Reply
  2. Ediene Sousa
    30/05/2012 at 11:02 am (8 years ago)

    Ótima observação e assino em baixo…
    Bjos e adoro seu blog!

    Reply
  3. Francimary
    31/05/2012 at 2:06 am (8 years ago)

    Compaixão!!! Essa é a palavra que define o que precisamos hoje em dia. Na verdade, a mídia, como um importante meio de comunicação acab divulgando as nossas escolhas e nem sempre estamos preparados para ouvir ou ler as opiniões alheias…O que realmente precisamos é aceitar o modo de criação de cada um, sem tentar intervir!!! Adoro seu blog!!! Bjs!

    Reply
  4. rita
    31/05/2012 at 3:10 am (8 years ago)

    Lilian!!!

    Sabe que a minha maior birra é ouvir conselhos de quem não é mae!

    hahahaha

    bobagem minha, mas fico brava, pois geralmente nao tem muita experiencia com crianca e ficam dando pitaco.

    Concordo 100% contigo.

    Beijinhos grandes

    Reply
  5. rita
    31/05/2012 at 3:11 am (8 years ago)

    Ediene!

    Verdade né?

    beijinhos

    Reply
  6. rita
    31/05/2012 at 3:12 am (8 years ago)

    Oi Francimary!

    Simmmm, é dificil, pois eu mesma as vezes fico tentada a dar minha opiniao, e muitas vezes acabo dando, mas o que temos que fazer é ouvir a outra mae e tentar entender por que ela faz o que faz, e nao necessariamente julgar, afinal, cada um sabe o que eh certo para si e seu filho ne?

    Beijocas grandes

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *