Uma das minhas maiores preocupações como mãe é ajudar minha filha a construir seu caráter: ser verdadeira, honesta, trabalhadora, gentil, qualidades que fazem com que você seja uma pessoa boa e correta. Conversamos muito sobre isso, principalmente no carro. O carro se tornou nosso divã, nosso cantinho silencioso em que batemos altos papos sobre tudo, e por algum motivo misterioso, nossos papos sempre pendem para os assuntos “da vida”, hum…não sei porque. Ela faz perguntas muito maduras para sua idade, então os papos cabeça fluem bastante.
Minha filha é uma criança muito querida e feliz, mas devemos regar a plantinha desde o brotinho, para que os pensamentos da criança crescam bondosos e que ela possa aprender desde pequena as ferramentas necessárias para se tornar um membro ativo e positivo da sociedade. Pode parecer exagero pensar assim, mas eu acredito de verdade que é nesta fase da primeira infãncia que internalizamos a ética.
Mas como ensinar isso as criaças?

  • Através do exemplo
Se uma criança viver em um ambiente em que os pais agem de maneira correta, ela crescerá com esta imagem. Isso é muito forte na cabecinha de uma criança, o exemplo vale mais do que mil palavras. 

  • Ser educado
Mostrar-se educado com as pessoas é uma das maiores riquezas que podemos ensinar a nossos filhos, principalmente atualmente,  quando vemos tantos serem rudes com a desculpa correria do dia a dia.  
Uma criança picurrucha pode e deve aprender a usar:

– Por favor
– Obrigado
– Com licença
– Me desculpe

  • Ser gentil
Já diz o ditado que gentileza gera gentileza. Uma das virtudes que mais aprecio em alguém é a gentileza, ser cordial e delicado. É raro cruzarmos com pessoas gentis, portanto acredito que devemos ensinar nossos pequenos a serem assim desde cedo.
Converso muito com minha filha sobre como conversar com as pessoas, como ela deve sempre pensar antes de dizer algo, para ver se não magoará os sentimentos delas. Há momentos em que certas coisas precisam ser ditas e não se pode filtrá-las, mas na maioria das vezes devemos pensar primeiro e falar depois. Isso já estou ensinando desde pequenininha para ela crescer sendo gentil, acrescentando energia positiva na vida dos que estão ao seu redor.

  • Ser honesto
Isso é um aspecto que ensino muito para minha filha. Semana passada ela levou uma pedrinha para dentro do carro, e sem eu perceber ela arranhou uma peça de dentro do carro….novo….caro. Meu coração parou quando vi, já imaginando meu marido surtando quando soubesse. Conversei com ela e expliquei que eu sabia que havia sido um acidente, mas que a mamãe havia pedido para ela não levar coisas da rua para dentro do carro. Expliquei que teriamos que dar a má noticia para o pai quando chegássemos em casa, pois se ela havia causado o acidente, ela deveria contar ao pai para que ele soubesse através dela. Tadinha, tinham que ver a carinha, disse até que estava nervosa quando entramos na garagem. Ao chegar em casa ela pegou o pai pela mão e o levou para o carro e lá ela corajosamente mostrou o arranhão. Depois do pai conversar com ela, ela voltou correndo e pulando dizendo que o papai tinha entendido.
Judiação, mas se não ensinarmos desde pequenos seria dificil ensinar mais tarde a arcar com as consequencias das suas ações.  

  • Trabalhar duro
Meu marido e eu trabalhamos, muitas vezes em casa durante a noite e nos finais de semana. Explicamos para Bella que precisamos trabalhar, que é através do trabalho que temos dinheiro para comprar comida, roupa e pagar pela nossa casa. Acho importante a criança saber que dinheiro não dá em árvore. 
Agora começamos uma nova fase em que Bellinha ajuda em casa e temos um sistema de “estímulo” para ela fazer suas tarefinhas e ser recompensada por elas.

  • Pergunte o que você quer ser quando crescer
Esta é uma das melhores perguntas a se fazer a uma criança, visto que  você aprenderá muito sobre os gostos e idéias que a criança tem naquela determinada fase da sua vida. Uma vez feita a pergunte, engaje a criança em uma conversa sobre o que ela precisará aprender e fazer para se tornar aquilo que ela gostaria de ser quando crescer.
Bella já quis ser policial, bombeira e hoje a sua resposta é cantora de Rock & Roll e veterinária. Conversamos então, no carro é claro, sobre o que ela precisará aprender para se tornar uma roqueira: aprender instrumentos, canto, escrever músicas…..e para ser veterinária terá que gostar de bichinhos, gostar de cuidar ativamente deles e aprender sobre o corpo e seus órgãos. 
Ao pensar, refletir e sonhar com o que gostariam de ser quando crescerem, as crianças entenderão que para chegar lá ela precisará trabalhar duro, se dedicar, suar a camisa, afinal nada nesta vida cai do céu.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *