A cada 3 anos nós professoras de escolinha da provincia de British Columbia fazemos um curso de 9 horas de primeiros socorros e CPR. Hoje foi dia de renovar o meu e vou compartilhar com vocês algumas diquinhas básicas que re-aprendi.
Na escolinha temos 3 ou 4 Kits de Primeiros Socorros completissimos e muitissimo bem abastecidos, inclusive sendo estes kits sempre inspecionados quando a inspetora de Saude da prefeitura vai renovar nosso alvará, mas eu não tinha nada decente para casa, por isso aqui vão as dicas + as medidas que tomei para a minha familia:
  • Ter um kit de primeiros socorros em casa (Family Kit)


Aqui em casa já tivemos caso do marido cortar a mão bem fundo lavando a louça, indo parar no hospital paramuitos pontos e já tivemos a filha caindo feio e lacerando o rosto 2 x! Se eu tivesse um kit de primeiros socorros de verdade e soubesse usar tudo direito, como re-aprendi hoje, poderia ter feito curativos muito mais eficazes.
Mãe prevenida vale por 2.
O kit vem com ataduras, varios tipos de Band-Aids, para cortes e machucados no rosto, nos dedos, nas juntas, etc etc. São bem especificos para varios tipos de corte.
O kit para a casa (Family Kit) custou acho que $ 32 dólares.
  • Ter um kit de primeiros socorros no carro

 


 

Acho que o kit do carro é até mais importante do que o kit de casa, ainda mais quando se tem filho. Nada pior do que seu pequeno se esburrachar no chão, machucar o rostinho, braço, perna e você não ter o que precisa meio a mão para tratar até chegar em casa.

 Eu tinha feito um mini kit com Band-Aid + Spray Desinfetante + Creme Polysporin, mas hoje comprei o kit oficial de carro, pois lembrei que meu marido sobe a montanha sozinho o inverno todo para esquisar. 
Vou acrescentar uma lanterna ao kit de primeiros socorros, assim como um cobertorzinho fininho, e sempre deixar tudo dentro do porta mala.
O kit para carro custou $ 23 dólares

  • Ataque cardiaco & Aspirina

  

Metade do curso foi sobre como fazer compressões cardiacas (CPR) e depois de ficar com um roxo na minha mão e forçar minha tendinite – pois Deus sabe o quanto é dificil fazer compressões cardiacas por HORAS a fio, o instrutor deu uma dica boa do que se faz em caso de suspeita de ataque cardiaco:
Aspirina
Todos sabem disso, assim como todos devem saber que nem todos podem tomar aspirina, se você é alérgico ela não é aconselhada, obviamente, mas a dica é que no caso de a vitima estar lúcida e reclamando dos sintomas classicos de ataque cardiaco, pode-se oferecer uma aspirina enquanto o socorro (ambulancia) está a caminho.
O instrutor disse inclusive que aconselham a você guardar 1 ou 2 aspirinas em um frasquinho “anti-criança” num kit de primeiros socorros em casa e no carro, se um dia voce precisar ou precisar fazer primeiros socorros com estes sintomas, estará apto a ajudar com a aspirina até a ambulancia chegar.
Estarei adicionando isso aos meus kits.

2 Comments on Curso que fiz hoje: dicas para a familia

  1. Lilian
    06/11/2014 at 2:30 pm (3 years ago)

    Ótimas dicas, Rita!
    Obrigada!
    🙂

    Reply
  2. Raquel Franceschini
    11/11/2014 at 3:08 pm (3 years ago)

    Ótimas dicas mesmo!! Nunca sabemos o que pode acontecer, melhor estar preparada…. sou meio hipocondriaca… tenho sempre remedinhos pra tudo comigo… viajo bastante,então nunca sei o que vou precisar. Mas nunca mais comprei aspirina depois da era Dengue no BR. Volterei a comprar!!

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *