Uma vez um amigo canadense disse sabiamente: ” Quando você mora em Vancouver e paga os valores exorbitantes que pagamos em aluguel ou hipoteca da casa, vem junto pacote o direito de se gabar do tempo ameno que temos o ano todo.”
Pura verdade!
Temos tido a sorte de ter visto a primavera chegar, mesmo que com ela tenha vindo a chuva. Tudo o que não choveu no inverno parece ter resolvido chover agora, mas ontem e hoje tivemos tempo ameno e de sol lindo.
Tinha umas tarefas para resolver em downtown e lá fomos eu e Bella. Nós moramos em North Vancouver, distrito para lá do mar, então temos que pegar o seabus para atravessar até downtown

Sempre tenho boas lembranças em caminhar por downtown, era lá que eu batia perna quando fiz intercâmbio em 2001.
A vista de downtown é linda da barca.

 A estação do seabus em downtown é linda e já foi palco de muitos filmes e séries de TV.

A rua onde ficava minha escola em 2001.

West Hastings
Engraçado como temos a péssima mania de caminhar pelas ruas que já conhecemos e sempre andamos, por que não andamos por caminhos diferentes. Vancouver tem uma avenida grande chamada Burrard e sabe-se lá por que, nunca caminho por ela. Fui surpreendida pela praça linda e muitas flores nesta rua.

 Fiquei me perguntando, se downtown inteira já está toda florida, por que a minha casa não esta?
Estas flores não nascem sozinhas meus queridos, são devidamente plantadas para a estação. Não se iludam!
Mas acho que este final de semana eu e Bella vamos plantar umas flores nos nossos vasos.


Aquela prédio lindão ali atrás é o Hotel Vancouver, podre de chique.

Uma novidade legal em Vancouver nos últimos tempos é a presença dos “Food Carts” por toda downtown. As “carrocinhas” modernas são geralmente ao comando de chefs de cozinha que durante a primavera e verão presenteiam a cidade com almoços muito gostosos e com preços camaradas. Algumas ruas são os “points” para as carrocinhas, e as minhas favoritas são as de Tacos e de Grilled Cheese (misto quente).
Aqui a mais famosa de misto quente, fica na esquina da Howe Street com a badalada Robson Street:

A carrocinha vende misto quente com pão sourdough (azedinho) e queijo cheddar + potato chips feitos na hora, uma delícia, uma porção bem grandinha e custa em torno de 12 dólares.
Almoçamos nas escadarias da Vancouver Art Gallery, que estava cheia de famílias, estudantes e homens de terno e gravata sentados na escadaria com seus misto quentes.

Depois demos uma passadinha na H & M do shopping pois ninguém é de ferro, e a H & M Kids de downtown é mais sortida que a de West vancouver e de lá fomos visitar as árvores de Cherry Blossom no Canada Place.

Vancouver tem muitas árvores em downtown, que foram plantadas pela comunidade japonesa décadas atrás. A cidade fica gloriosa toda coberta de rosa nas primeiras semanas da primavera, depois elas secam e caem dando lugar as folhas verdes do verão.
Aproveitamos esta paisagem linda do Canada Place, cartão postal de Vancouver

E depois de 4 horas de afazeres e passeios, voltamos para a nossa querida North Vancouver, tão linda e fofa!

2 Comments on Dia em Downtown Vancouver

  1. Wera Corrêa
    02/04/2014 at 10:36 am (3 years ago)

    Nao tem o que dizer. Vancouver merece a classificacao de 3a. melhor cidade do mundo para se viver. Lindíssima, limpa, sem pixacao e um povo hiper educado. Bellinha agradece a opcao de voces em morarem em Van. Mas sabes que eu amo North Vancouver.

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *