Esta é boa, tenho que dividir com vocês estas dicas que descobri. Não são dicas, seriam mais “pílulas” de desconfiômetro para os pais saberem quando precisam ficar com os filhos em casa quando estão doentes.
Seguido vejo pais na dúvida sobre o que se considera “doente” para não ir a escola. Por aqui a regra é se considera doente quando a crinça não tem condições de participar das atividades propostas dentro da sala de aula.
  • Febre
Mais de 38.3 C recomenda-se que a criança fique em casa. É estado febril, por mais que os pais as vezes argumentem que não é febre alta. Criança em estado febril deve ficar em casa, visto que na escola não terá condições de acompanhar a turminha nas atividades.
  • Vomitar mais de 2 x no dia
  •  Diarréia mais de 2 x no dia
  • Tosse com mucus ou dificuldade de respirar, seja por congestão nasal ou outro motivo
  •  Infecção de garganta (acompanhada de febre, dor de garganta e/ou dor de cabeça)
  •  Conjuntivite
  •  Alergia ou irritação na pele
A não ser que a irritação na pele seja por algo bobo como reação ao detergente de roupa, aconselha-se manter a criança em casa até a alergia ou irritação passar, principalmente quando não se sabe a causa.

 As escolas entendem que é muito difícil para os pais faltarem ao trabalho para ficar em casa com o filho doente, mas dentro do possível, as vezes um diazinho de repouso é o bastante para recuperar uma criança. Quando levada doentinha para a escola, sendo forçada a participar das atividades normalmente, mesmo quando não está se sentindo bem, ela demora muito mais a se recuperar.

1 Comment on Quando não levar o filho doente para a escola

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *