Semana passada foi o início as aulas aqui na América do Norte, Canadá e EUA, e em homanagem aos alunos e mães que estão vivendo este momento, uma semana inteirinha de “Back to School” aqui no blog, afinal, toda semana é de “início” de aulas, não é mesmo?


Estava conversando com uma amiga sobre o que mandaremos de almoço para nossas meninas no ano que vem quando elas forem para a escola, e chegamos a conclusão que se nossas meninas tivessem que ir para a escola HOJE, elas morreriam de fome, pois não estão acostumadas com os almoços canadenses.
Almoço canadense?
Pois é, aqui no Canadá é costume as crianças comerem um lanche na hora do almoço, pois a principal refeição do dia é feita a noite, no jantar com a família reunida. Mas se as crianças comem lanche na hora do almoço, o que enviar de lanche todo santo dia?
Quando ouço a palavra lanche de almoço a única coisa que me vem a mente é sanduíche e eu tenho certeza absoluta que a minha filha não comeria todo seu almoço se a sua mãe mandasse sanduíche todo santo dia para a escola.
Deixa eu voltar um pouco e explicar uma coisa. As aulas na escola começam as 9 da manhã aqui no Canadé e vão até as 3 da tarde, ou seja, o seu filho não vai para casa para almoçar, ele come na escola. Até onde sei não são todas as escolas que oferecem o serviço de se pagar extra por almoço quente, então cabe as mães enviarem almoços para os filhos.

Existem 4 coisas que eu não abro mão para a minha filha:

  • Que ela se alimente bem
  • Que ela durma bem
  • Que ela esteja agasalhada de acordo com a temperatura lá fora
  • Que ela brinque muito
Ou seja, o básico de sobrevivência para o seu filho, né? Estes são 4 pontos que sou bastante neurótica e o primeiro deles é o mais complicado para todas nós mães. Lógico que queremos que nossos pequenos se alimentem bem, mas sabemos que é uma luta diária, uma constante briga e fonte de preocupação para nós mães, então eu resolvi me organizar um ano antes para já ir trabalhando na maneira como a minha filha verá os almoços na escola no ano que vem.
Cedo, né?
Mas eu sou organizada e se posso começar a criar este novo hábito nela, assim o farei.
Mas como?
Acostumando a minha filha a comer almoços “canadenses” de vez em quando, pois hoje ela leva para casa comidinha quente, que as professoras esquentam no microondas. Mas na escola de verdade as professoras não tem condições de esquentar pratinho por pratinho com uma turma de 20 alunos, então os almoços levados para a escola tem que ser lanches que podem ser comidos em temperatura ambiente.
Mas o que fazer de lanche para mandar para a escola? Sanduiche todo dia?
Não!
E é aqui que entra a dica de hoje:

Comprei esta semana este livro de culinária infantil de duas autoras de Vancouver: Brenda é uma professora primária, mãe de dois e apaixonada por culinária. Já Cherryl é médica pediatra e apaixonada por nutrição infantil, ou seja, esta dupla se uniu para escrever um livro que ensine as mães a prepararem lanches nutritivos e gostosos para as crianças levarem para a escola.

Eu me preocupo muito com o que a minha filha come, faço questão de cozinhar mesmo quando estou cansada depois do trabalho, pois quero garantir que ela coma tudo o que precisa todos os dias. Controle o consumo de açugar e porcarias, mas não sou neurótica neste ponto, contanto que ela coma toda a sua comidinha saudável ela pode sim comer uma sobremesa gostosa ou um McDonalds de vez em quando, não quero tirar o prazer da infância da minha filha.

  • Idéias de lanches do livro

Conforme eu for testando as receitas vou batendo fotos, pois uma coisa que o livro não tem ão fotos, então ilustrarei eu mesma e colocarei as minhas favoritas aqui no blog.

Enroladinhos

Saladinha de Orzo (massinha italiana)

Bolinho de salmao
“Envelope” de almondega
Spanakopita grega

Quesadilla

As fotos acima são meramente ilustrativas, tiradas do Pinterest, conforme eu for fazendo as receitas do livro colocarei minhas proprias fotos aqui.
Mas da para ter uma ideia de como podemos fugir do sanduiche na hora do almoço e ainda assim proporcionar pratos super gostosos e saudáveis para nossos filhos, com pães e similares integrais (ao invés do branco), com verduras e legumes frescos, com a proteína da carne, enfim, muitas idéias legais.
As receitas são MUITO simples com ingredientes fáceis de comprar ( e pagar) e que geralmente temos em casa. A razão pela qual eu compro os livros é para não ter somente a receitas, mas principalmente para pegar as idéias, pois na correria do dia a dia falta idéia para as refeições aqui em casa, os livros ajudam neste sentido.
O post de amanhã será dedicado a maneira de acondicionar o almoço das crianças.

8 Comments on Almoços “canadenses” para a escola

  1. Anonymous
    09/09/2013 at 10:52 am (4 years ago)

    Adorei!!!!
    Ansiosa pelas receitas
    Bjão
    Ediene Sousa

    Reply
  2. Lais Izumi
    09/09/2013 at 5:25 pm (4 years ago)

    Poxa, as ideias são legais não só pro almoço das crianças mas também pra "malmita" dos peões aqui do Brasil né, tipo eu HAHAHAHA
    Eu trago almoço e geralmente acabo trazendo porcarias prontas praquele lanchinho. Biscoitinhos, salgadinhos e esses outros "inhos" fazem parte da minha "lancheira" diária e acabo o dia com peso na consciência…
    Opções mais saudáveis e variáveis são sempre bem vindas =)
    Se vc achar algum livro desses on line, comartilha com a gente!

    Reply
  3. **Lih**
    09/09/2013 at 7:01 pm (4 years ago)

    Oi Rita,

    Amei o post!

    Boa semana!

    Beijos!

    Reply
  4. Mamãe Nádia
    09/09/2013 at 9:54 pm (4 years ago)

    Eu tô aqui dando pulos de alegria pq na escola nova do Allan (a mesma escola que o Pedro irá no ano que vem) tem sistema de almoços. Tem refeitório, tipo das escolas que vemos nos filmes americanos. Só preciso pagar e pronto. Sem me estressar com isso mais. Pq é um stress pra mim preparar os almoços na manhã corrida. Agora é muito mais fácil só embalar umas frutinhas pros 2 snack's. Aí é bem mais simples.
    Vc faz bem de ir treinando a Bellinha 1 ano antes, pq a mudança vai ser grande. Até a questão do soninho da tarde, tem que ver se na escola que ela vai dá pra ter a hora do soninho…os meus aluninhos que passaram pro kindergarten na semana passada sofreram com a questão do soninho, pois eles sempre dormiam à tarde na minha escolinha, e agora isso acabou na vida deles. O Pedro já não dorme de tarde por causa disso também…
    BEIJOS!

    Reply
  5. simone e as meninas
    09/09/2013 at 11:43 pm (4 years ago)

    Adorei as idéias de almocinhos, embora aqui no Brasil não precise. Mas para um jantarzinho diferente…adorei

    Reply
  6. Telma
    10/09/2013 at 10:19 am (4 years ago)

    Oi Rita, realmente, é necessário saber-se variar o lanche das crianças para que não comam sempre as mesmas sanduiches. Gostei das ideias de almoço para o tornar variado. Um óptimo dia para vocês. Beijinhos

    Reply
  7. Ana
    11/09/2013 at 4:52 am (4 years ago)

    Ah, Rita, quem dera fosse tão fácil assim! Quando você tem duas filhas que torcem o nariz pra comida diferente do que estão acostumadas, fica difícil testar lanchinhos novos! Eu mando comida quente mesmo, em potes térmicos. Fica morno na hora de comer, não super quente. Mas é o que funciona pra gente, já que sanduíches ou esses wraps elas não comem. Se eu coloco na lancheira, volta tudo pra casa. Essa é minha principal luta aqui, fazer com que elas comam o almoço direitinho na escola. Por isso que introduzi janta agora em casa, porque pelo menos uma refeição eu consigo garantir que elas se alimentem bem

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *