Eu, como mãe de uma prematura, acho tão difícil ler um relato sobre prematuridade que consiga colocar em palavras tudo o que se sente quando um bebê nasce tão frágil. Mesmo quando escrevo os meus textos, sempre fica aquela pontinha de decepção comigo mesma por não conseguir colocar no “papel” os sentimentos exatos que tive naquela época e tenho até hoje. Eu tento, mas parece que sempre falta alguma coisa. Há alguns dias, porém, li o texto mais lindo que já li sobre prematuridade.

O site Projeto Pequenos Guerreiros, da minha querida amiga Mônica Silva, tem uma nova coluna chamada Dia da Estrelinha, dedicada aos prematurinhos que foram para o céu. Quem conhece o universo prematuro sabe que a linha entre a sobrevivência e a morte física é bastante tênue com bebês tão pequenos, frágeis e doentes, e fiquei muito feliz ao ver a iniciativa da Mônica de dar voz às mães de colo vazio, aquelas que viram seus filhos partirem prematuramente.

Fonte

A história da Sandra e do Jorge é muito emocionante e a maneira como a Sandra expressa seus sentimentos ao falar sobre a vida após a partida de Jorge é linda demais.

A leia na íntegra aqui.

1 Comment on O relato mais lindo sobre prematuridade

  1. Helena
    31/01/2012 at 12:27 am (6 years ago)

    Lindo mesmo o depoimento Rita, de uma sensibilidade incrivel!É isso mesmo ne, cabe a nos escolhermos o que vamos fazer com o que a vida nos dá…
    bjo enorme pra vc e Bella e boa sorte na "guerra" contra a greve de fome, já ja ela volta a comer bem!
    Helena

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *