Nem só de casamento real se faz o dia de hoje.

Hoje é o dia da conscientização sobre a SMSI, síndrome da morte súbita infantil (ou SIDS, em inglês).

Se existe um assunto que tanto a mídia quanto os médicos frizam incessantemente aqui na “America do Norte” é sobre a SMSI. Não se conhece a causa desta síndrome mas é um problema que afeta muitas crianças do nascimento até 1 ano de idade, pricipalmente entre o segundo e quarto mês de vida. Esta síndrome é diagnosticada por exclusão, ou seja, se um bebê vem a falecer por nenhum motivo aparente, diagnostica-se SMSI.

Para vocês terem uma idéia, em 1996 24% dos falecimentos de bebês no Canada eram devido a SMSI. Desde então vem-se fazendo uma campanha árdua para educar os pais a respeito desta síndrome e tentar combatê-la.

Não há uma causa conhecida ainda, mas os médicos aconselham o seguinte:

* Bebês devem dormir de barriga para cima, nunca de lado ou de bruços.

* Use um colchão bem firme para o berço.

* Nao deixe travesseiros, bichinhos de pelucia ou cobertores perto do bebe no berco.

* Não use protetores de berço (bumper pads).

* Não fume durante a gravidez e não permita que seu bebê seja fumante passivo.

* Diga não a cama compartilhada!

* Ofereça chupeta ao bebê na hora de tirar sonecas ou dormir à noite. Pesquisas mostram que o uso da chupeta ajuda a evitar esta síndrome.

* Evite o superaquecimento do bebê no inverno e considere o uso de ventilador de teto no verão.

* Encoraje o bebê a ficar deitadinho de bruços quando estiver acordado, para exercitar os músculos do pescoço.

Lista retirada do blog Another Day Stronger, de uma mãe que acabou de perder a sua filha de 4 meses para SMSI.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *